8 de maio de 2019

DIA DAS MÃES| Emoção marca apresentação do Coral do Espaço Cuidar do Bugio no Same


Foto: Pritty Reis

Quem esteve presente no Same [Lar de Idosos Nossa Senhora da Conceição] na tarde desta quarta-feira, 08, se emocionou com a apresentação do coral do grupo de idosos “Caminhando com a melhor idade”, do Espaço Cuidar do Bugio, vinculado à Secretaria de Estado da Inclusão, da Assistência Social e do Trabalho (Seit). O grupo trouxe um repertório diversificado, com canções que homenagearam as mamães pelo seu dia, fazendo todo mundo cantar junto.

De acordo com a coordenadora do Espaço Cuidar do Bugio, Jussara Santos, convites como este são sempre uma honra para o grupo. “Somos parceiros do Same. Pelo menos duas vezes ao ano levamos a nossa alegria aos assistidos. Afinal, essa é a ideia do grupo de idosos: compartilhar boas coisas. Neste evento, que homenageia as mães, não podíamos dar outra resposta senão o ‘sim’. O ‘sim’ para vida, para as mães, para a felicidade”, disse.

Ainda segundo ela, a homenagem se estendeu às mamães do coral. “Precisávamos homenagear essas guerreiras e tivemos a ideia de convidar algumas filhas para cantar junto e coroar esse momento com muita emoção e felicidade. Foi uma homenagem em dose dupla. Inesquecível. A apresentação foi especial e diferente das outras vezes, pois inserimos a percussão do professor Cadu, que as integrantes amaram e, pelo visto, o público também”, comentou.

Uma das mães homenageadas, Lucélia Sá, teve uma bela surpresa. “Falar da minha mãe é falar de gratidão. Sou grata por tudo e estou muito feliz em proporcionar uma tarde emocionante”, disse a sua filha Luana Sá, que recitou um poema em sua homenagem. Assistida pelo Same, a aposentada Joana da Silva comenta que valeu para toda a família. “Estou muito feliz com essa tarde. Me fez lembrar minha mãe e os momentos que passávamos em família. Mas eu ainda acho que o dia das mães deve ser comemorado todos os dias com seus filhos. Fiquei bastante emocionada”.

Para Maria das Neves, a integrante do coral, foi gratificante levar entusiasmo a outras pessoas. “Para a gente, já é uma festa estar viva. Ninguém imagina o quanto isso é valioso, para nós e para quem assiste”. Prestes a completar 100 anos, a aposentada Valdice Santos, carinhosamente conhecida no Same como ‘Princesa’, também destacou a importância de eventos como este, que trouxe alegria através da música. “Sou muito bem tratada aqui no Same e adotei uma mãe e um pai aqui, porque cuidam de mim como se eu fosse uma filha. Essa homenagem está sendo linda. Tenho apenas um filho e sempre lembro da minha mãe”, revelou Princesa.

Segundo o diretor-presidente do Same – Lar de Idosos Nossa Senhora da Conceição, Diácono Antônio Almeida, a apresentação é uma forma de integração dos idosos com a sociedade. “Recebemos o Coral do Espaço Cuidar aqui com muito carinho, para cantar, encantar e alegrar o nosso espaço. Os assistidos ficaram extremamente felizes. Essa é uma forma que o Lar encontrou de integrar os idosos com o público externo e homenagear as mamães, não só as que fazem parte do Same, mas todas as demais mães do mundo”, concluiu.

Fotos: Pritty Reis